[Semana 01] – Acordar para o piloto automático

Olá, tudo bem?

Vamos acompanhar as 8 semanas do curso ” Encontrando a paz em um mundo frenético: o programa passo a passo ” neste espaço.

Pontuarei os principais conceitos e técnicas que estamos trabalhando passo a passo para que você nos acompanhe, possa fazer em casa através do livro-texto ou se juntar a nós em uma próxima turma.

A SEMANA 01

Na semana 01 do nosso curso, vamos conhecer o conceito de “piloto automático” e como ele atua em nossas vidas determinando nossas decisões e comportamentos.

A ideia desta semana é presenciarmos o máximo possível a atuação deste aspecto mental em nossas vidas e percebermos como estamos habitualmente presos a ele através da multitarefa.
O PILOTO AUTOMÁTICO

O piloto automático representa o modo comum de funcionamento da nossa mente. Ele constrói nossos hábitos como se fossem protocolos neurocognitivos que nos informam como executar determinada tarefa ou se comportar em uma situação.

É uma resposta aprendida, na qual, antes de ser dominada, tivemos que executá-la muitas e muitas vezes até chegarmos a executá-la automaticamente.

O piloto automático é muito importante porque auxilia nossa memória operacional a lidar com mais informações que o habitual. Dessa forma, nós podemos dirigir um carro e conversarmos ao mesmo tempo.

O circuito cerebral responsável pelo piloto automático é chamado de Rede Neural Padrão, uma associação de várias áreas cerebrais responsáveis por nossa tagarelice interior.

O problema está quando começamos a devanear em excesso, sobrecarregando o circuito com muitos protocolos (hábitos). É como se cada hábito fosse uma janela aberta no computador, sobrecarregando a máquina.

Esse sistema sobrecarregado responde por nossos pensamentos, devaneios e ruminações excessivos.

Chamamos esse modo da nossa mente trabalhar de modo fazer ou modo atuante em contrapartida ao modo ser ou existente.

Por exemplo, quando trabalhamos em multitarefa estamos no modo fazer e quando exercitamos a monotarefa atuamos no modo ser.

Muitos dos nossos problemas de saúde se manifestam ou pioram porque pensamos demais a respeito de um problema, trabalhamos sempre no Modo Atuante ou Fazer.

Ansiedade, depressão, dor crônica e estresse são exemplos da disfunção entre o Modo Fazer e o Modo Ser.

O piloto automático é muito importante porque auxilia nossa memória operacional a lidar com mais informações que o habitual.

COMO PERCEBER O PILOTO AUTOMÁTICO

Uma forma de percebermos se estamos fazendo tudo de forma automática e impulsiva é trazer nossa atenção à atividade que estamos realizando agora, e tornarmos conscientes de nossos pensamentos – se estamos presentes e sentindo o que estamos fazendo ou estamos divagando entre uma recordação e uma expectativa futura.

Devemos saber onde nosso pensamento está. Para isso, precisamos estabilizar nossa atenção com o exercício da Atenção Plena do Corpo e e da Respiração.

Devemos praticar durante 6 dias, 2 x ao dia, em média por 20 minutos.

botao_cliqueaqui4

A MULTITAREFA

Você sabia que as Pessoas Cronicamente Multitarefas  geram alto custo para as empresas pois :

  • não filtram irrelevâncias;
  • não gerenciam eficazmente sua memória de trabalho;
  • são cronicamente distraídas;
  • são menos produtivas.

A multitarefa está diretamente relacionada aos hábitos que formatamos. Para desconstruirmos um hábito, devemos perceber em que condições ele foi montado. Por isso devemos entrar em monotarefa e prestar atenção a uma coisa de cada vez.

COMO EXERCITAR A MONOTAREFA

Ao exercitarmos a monotarefa, nós estamos potencializando o Modo Existente ou Ser.

Fazer uma coisa de cada vez, significa prestar atenção às variadas informações por trás dos estímulos. Uma prática para reestabelecer a monotarefa em nossas vidas é o Exercício da Uva Passa, uma maneira de nos alimentarmos conscientemente.

Clique aqui para ter acesso ao texto da prática da uva passa adotado no Centro Mente Aberta Mindfulness – Centro Brasileiro de Mindfulness e Promoção da Saúde – Unifesp.

Resumindo a Semana 01 :

Então nesta semana fortalecemos a nossa atenção para reduzir a ação do piloto automático e exercitamos a monotarefa através de atividades rotineiras, porém com uma atenção cuidadosa ao que estamos fazendo.

Até a próxima semana!

Gostou deste artigo? Então Compartilhe!
Postagens mais lidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atendimento WhatsApp
Fale Conosco agora.